domingo, 4 de outubro de 2009

Antigos laços


Não me faça rir,quando guarda em si uma melancolia por não conseguir mais sorrir.Não diga sobre amenidades,não me pergunte como está o tempo.Se lá fora faz Sol,sei que dentro de você está chovendo.
Nada mais faz sentido.Os pontos que nos uniam estão tão distantes que todas as linhas passam por nós,desmanchando aquilo que ainda,por um fio,nos unia.Lembranças que eu teci com carinho num tecido bonito,o mais bonito,agora vão se desmanchando junto com as lágrimas que você derrama,enquanto declama um discurso inútil de que me ama,de que me quer de volta.
Parti sem deixar pistas,sem dizer pra que lado vou.Sou do vento agora.Ele é quem escolhe o meu destino,e pra onde deixo meu coração se perder sem medo.
E ai nos encontramos sem querer,e o laço que se desmanchou talvez volte a nos unir.Mas eu não vou ser aquela quem vai desatar antigos nós,porque fui eu quem reconstruiu cada pedaço de mim,fui eu quem desatou a chorar quando os pontos que nos uniam,desapareceram.

2 Comentários:

Dan disse...

wow...vc escreve mto!

Dan disse...

doeu em mim =/

Postar um comentário